IMIGRACAO: SEM LENCO E SEM DOCUMENTO, O BARRIL TRANSBORDANTE DE INJUSTICAS.

CONTEUDO DESTE BLOG – ALL CONTENTS

0. PURA MISTURA

https://val51mabar.wordpress.com/2016/06/08/conspiracoes-alienigenas-tesouros-desaparecidos-e-dominacao/

https://val51mabar.wordpress.com/2015/12/23/aliens-conspiracies-disappeared-treasures-and-dominance/

1. GENEALOGIA

https://val51mabar.wordpress.com/2016/03/25/os-rodrigues-coelho-e-andrade-do-carlos-drummond-em-minas-gerais/

https://val51mabar.wordpress.com/2015/07/22/um-nosso-lado-cristao-novo-e-talvez-outro-paulistano/

https://val51mabar.wordpress.com/2015/05/10/nos-os-nobres-e-a-avo-do-juscelino-tambem-pode-ter-sido-barbalho-coelho/

https://val51mabar.wordpress.com/2015/03/07/algumas-notas-genealogicas-20132014/

https://val51mabar.wordpress.com/2014/04/14/genealidade-e-genealogia-de-ary-barroso/

https://val51mabar.wordpress.com/2013/12/06/genealogias-de-familias-tradicionais-de-virginopolis/

https://val51mabar.wordpress.com/2013/05/30/barbalho-coelho-pimenta-no-site-www-ancestry-com/

https://val51mabar.wordpress.com/2012/09/11/barbalho-pimenta-e-talvez-coelho-descendentes-do-rei-d-dinis/

https://val51mabar.wordpress.com/2011/02/24/historico-do-povoamento-mineiro-genealogia-coelho-cidade-por-cidade/

https://val51mabar.wordpress.com/2012/07/02/familia-barbalho-coelho-no-livro-a-america-suicida/

https://val51mabar.wordpress.com/2010/05/23/a-historia-da-familia-coelho-do-centro-nordeste-de-minas-gerais/

https://val51mabar.wordpress.com/2011/04/24/a-familia-coelho-no-livro-a-mata-do-pecanha/

https://val51mabar.wordpress.com/2010/05/03/arvore-genealogica-da-familia-coelho-no-sitio-www-geneaminas-com-br/

https://val51mabar.wordpress.com/2010/09/22/ascendencia-dos-ancestrais-jose-coelho-de-magalhaeseugenia-rodrigues-rocha-uma-saga-a-ser-desvendada/

https://val51mabar.wordpress.com/2012/01/17/a-heranca-furtado-de-mendonca-no-brasil/

2. RELIGIAO

https://val51mabar.wordpress.com/2011/05/29/a-divina-parabola/

https://val51mabar.wordpress.com/2011/01/28/o-livro-do-conhecimento-de-deus/

https://val51mabar.wordpress.com/2010/01/22/carta-de-libertacao/

3. OPINIAO

https://val51mabar.wordpress.com/2014/06/08/a-iii-gm/

https://val51mabar.wordpress.com/2013/01/03/israel-as-diversas-verdades-e-o-padececer-da-palestina-e-outros-textos/

https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/26/faixa-de-gaza-o-travessao-nos-olhos-da-humanidade/

https://val51mabar.wordpress.com/2013/05/12/neste-mundo-so-nao-eh-gay-quem-nao-quizer/

4. MANIFESTO FEMINISTA

https://val51mabar.wordpress.com/2010/07/21/13-estrelas-mulher/

5. POLITICA BRASILEIRA

https://val51mabar.wordpress.com/2010/10/16/o-direcionamento-religioso-errado-nas-questoes-eleitorais-brasileiras/

https://val51mabar.wordpress.com/2010/10/19/resposta-de-um-neobobo-ao-excelentissimo-sr-ex-presidente-fernando-henrique-cardoso/

https://val51mabar.wordpress.com/2011/08/01/miilor-melou-ou-melhor-fernandes/

https://val51mabar.wordpress.com/2010/08/05/carta-ao-candidato-do-psol-plinio-de-arruda-sampaio/

https://val51mabar.wordpress.com/2010/05/26/politica-futebol-musas-e-propaganda-eleitoral-antecipada-obama-grandes-corporacoes-e-imigracao/

6. MISTO

https://val51mabar.wordpress.com/2014/06/08/a-iii-gm/

https://val51mabar.wordpress.com/2013/11/06/trilogia-de-variedades/

https://val51mabar.wordpress.com/2012/12/30/2012-in-review/

https://val51mabar.wordpress.com/2012/07/02/familia-barbalho-coelho-no-livro-a-america-suicida/

https://val51mabar.wordpress.com/2015/01/25/03-o-menino-que-gritava-lobo/

https://val51mabar.wordpress.com/2015/01/25/minhas-postagens-no-facebook-i/

https://val51mabar.wordpress.com/2015/01/25/minhas-postagens-no-facebook-ii/

https://val51mabar.wordpress.com/2015/01/25/minhas-postagens-no-facebook-iii/

https://val51mabar.wordpress.com/2015/01/25/meus-escritos-no-facebook-iv/

https://val51mabar.wordpress.com/2015/02/14/uma-volta-ao-mundo-em-4-ou-3-atos-politica-internacional-do-momento/

7. IN INGLISH

https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/02/the-nonsense-law/

https://val51mabar.wordpress.com/2010/08/21/13-stars-woman/

https://val51mabar.wordpress.com/2011/10/05/the-suicidal-americaa-america-suicida/

https://val51mabar.wordpress.com/2010/08/25/100-reasons-to-amnesty-the-undocumented-workers-in-united-states/

https://val51mabar.wordpress.com/2009/09/25/about-the-third-and-last-testament/

https://val51mabar.wordpress.com/2009/09/12/the-third-and-last-testament/

8. IMIGRACAO

https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordante-de-injusticas/

 

IMIGRACAO: “SEM LENCO E SEM DOCUMENTO”

IMIGRACAO: O BARRIL TRANSBORDANTE DE INJUSTICAS.

Por: Valquirio de Magalhaes Barbalho.

INDICE:

01. Tea Party (Grupo do Cha).
02. Os Anti-Imigrantes e sua Organizacao.
03. A Ideia.
04. O Que os Anti-Imigrantes Querem?!…
05. Imigrantes ou Nao-Imigrantes, somos todos equivalentes.
06. A Treplica dos Anti-Imigrantes.
07. Consideracoes Gerais.
08. Conclusoes Importantes.

01. Tea Party (Grupo do Cha).

Eu vim por por meio deste texto publicar a ideia de ativar a luta pela legalizacao responsavel das milhoes de pessoas humanas que vem sendo injustamente oprimidas por um sistema totalmente irracional aqui nos Estados Unidos.

Porem, antes de entrar propriamente no assunto, quero lembrar como se deu o fato historico conhecido como Tea Party, que foi o primeiro evento relevante que levou aa Independencia deste pais.

Havia Acontecido uma guerra entre franceses e os indigenas da America do Norte. Isso fez com que a Inglaterra enviasse tropas para reforcar a segunranca das 13 colonias inglesas que ja haviam se formado na costa leste. Contudo, a coroa inglesa entendeu que deveria sobretaxar os produtos de comercio entre a metropole e as colonias, usando a desculpa de que as colonias seriam as unicas beneficiarias dos “gastos extras”.

Todavia, nem todo colono era bobo a ponto de deixar-se convencer por essa conversa. Uma parte tinha consciencia de que os impostos que ja recolhiam junto aa coroa era suficiente. Mesmo porque nao era necessario o aumento do contingente militar e os soldados estavam apenas sendo deslocados de um ponto estrategico para outro. O grupo contrario aas sobretaxas fez um protesto no porto de Boston. Vestiu-se com fantasias nativo-americanas, invadiu um navio carregado com cha e lancou toda a mercadoria ao mar.

Na resposta a isso, a coroa apertou mais os cintos dos colonos. Colocou mais restricoes aa vida deles.

Na treplica, os representantes das 13 colonias se reuniram para coordenar suas acoes. Nesse primeiro congresso foi aprovada uma carta solicitando a remocao das sancoes que estavam sendo aplicadas. Aa qual a coroa inglesa respondeu negativamente.

Entao, aconteceu um segundo congresso dos representantes das 13 colonias que decidiram cortar as relacoes comerciais com a Inglaterra. Isso deflagrou a Guerra da Independencia onde a populacao nata na America do Norte conseguiu sua liberdade, e essa nacao nasceu.

Certamente, a situacao da Imigracao nao esta ainda tao dramatica, nao ha uma revolta contra os impostos e nem mesmo existe uma consciencia formada a respeito das similaridades que hao entre as duas situacoes, como pretendo explicar mais adiante.

02. Os Anti-Imigrantes e Sua Organizacao.

Os anti-imigrantes nesse pais tem sido bastante eficientes em seus objetivos. Nao eh um grupo tao grande quanto possa parecer mas, organizado e barulhento, tem desenvolvido acoes muito bem coordenadas e planejadas.

O primeiro ato deles foi vender uma imagem negativa do imigrante, principalmente o sem documentos. Eles demonizaram o imigrante de forma a levar o cidadao comum a pensar que o imigrante vem aqui apenas para usufruir dos beneficios dos programas assistenciais do governo como: Health Care (seguro saude) e os programas de assistencia aa populacao que se encontra em situacao abaixo da linha de pobreza. Afirmam ate que os sem documentos nao contribuem com imposto algum.

Entre outras coisas, no processo de demonizacao da pessoa do imigrante, eles lancam suspeitas de que os atuais imigrantes estejam trazendo doencas perigosas para a populacao geral. Subliminarmente, com a ideia de que seja preciso fazer a seguranca da fronteira entre os Estados Unidos e o Mexico, deixam entender que ha um vinculo entre a imigracao sem documentos, o terrorismo e o trafico de drogas.

Neste espaco eu ja comeco a usar um argumento para combater tais injusticas. Jogar a culpa dos problemas da fronteira nas costas dos imigrantes eh o mesmo que culpar os passageiros dos jatos que foram usados nos ataques nas Torres Gemeas em Nova Iorque e no Pentagono em Washington. Porque os terroristas usaram os mesmos jatos que os passageiros estavam usando para viajar nao significa que eles cometeram os crimes perpetrados pelos terroristas. Da mesma forma, a fronteira eh uma opcao que tanto terroristas quanto contrabandistas podem escolher para terem acesso aos Estados Unidos. Os imigrantes nada devem por causa desse fato. Mais teria a dever os governos Americano e Mexicano que nao garantem a seguranca de todos.

Nao pensem que: so porque tais ideias sejam tao absurdas para voce, elas nao possam funcionar nas cabecas de pessoas menos conscientes da realidade dos imigrantes. Nos que somos imigrantes temos a total consciencia do que esta acontecendo, porem, a atual populacao americana nunca se viu em situacao semelhante, portanto, nao se pode esperar que ela a compreenda automaticamente somente porque os avos e outros ancestrais dela tambem foram imigrantes.

A verdade eh uma so. Nem todo mundo da populacao de hoje nos Estados Unidos sabe o que eh ser imigrante, dai acreditar em qualquer coisa que lhe pareca logica. Principalmente porque as informacoes que tem recebido partem de pessoas muito bem conceituadas no pais. Eh claro que uma populacao nao tao bem informada tera preferencia em acreditar em pessoas como: Bill O’Reilley da Fox ou o “defenestrado” Lou Dobbs, ex-CNN. Alem disso essa populacao esta a todo momento sendo bombardeada com opinioes de certos governadores, senadores e “outras dores” nas costas do imigrante sem documentos (que se lhes parecem mais brancos, loiros e olhos azuis. Essa referencia nao eh um preconceito revertido. Eh apenas uma mencao aa falsa ideia de que os americanos sejam fisicamente padronizados).

A populacao menos informada tem dificuldade em acreditar na Soledad O’Brian e no Rick Sanchez, ambos da CNN, e representantes legislativos que defendem os imigrantes pela simples razao de que todos tem origem suspeita. Geralmente sao de origem latina.

Alem de tudo a crise economica impede as pessoas de raciocinarem com tranquilidade. Como a situacao economica as esta enconstando contra a parede elas acreditam que pular pela primeira janela que se abrir as salvara, esquecendo da altura da queda que estiver do lado de fora dessas “janelas salvadoras”.

O pior de tudo eh observar que importantes formadores de opiniao como Oprah Whinfrey e Larry King, entre muitos, se calam. Talvez por nao compreenderem os fatos. Eles falam quando podem a respeito das atrocidades que estao acontecendo em Darfur ou na Nigeria mas nao enxergam que injustica semelhante esta acontecendo no proprio quintal deles.

A Oprah, por exemplo, implantou uma escola na Africa do Sul para atender a muitas criancas que nao teriam o menor futuro se nao fosse a assistencia dela. E ela esta pondo a mao no bolso para custear esse projeto. E que Deus Abencoe imensamente a ela e toda a descendencia que ela possa ter por essa boa acao. Quem dera Deus nos Abencoasse com mil pessoas nos Estados Unidos que praticassem as obras da Oprah.

Por outro lado, nos temos milhares de criancas indocumentadas trazidas por seus pais. Foram educadas dentro das escolas do pais e poderiam ingressar em faculdades dos Estados Unidos, nao fosse a inconveniencia de nao possuirem os papeis! Sao pessoas que ja provaram ser produtivas para a sociedade, tendo otimo rendimento escolar. Porem estao separadas do “sonho americano” por um problema da espessura de uma folha de papel. Oxala algum dia Deus venha a Abencoar a Oprah e outros pelo dia em que eles decidiram pedir justica tambem para essas criancas. Talvez isso nao lhes custe um centavo sequer.

03. A IDEIA.

Pelo que tenho visto, as acoes dos anti-imigrantes tem sido coordenadas em um sentido. Ontem foi a aprovacao e assinatura da lei SB1070 no Arizona. Hoje foi a aprovacao de medida semelhante pelo senado de Massachusetts. Deus ja Sabe qual sera o proximo ato. Porem sabemos que boa coisa nao vira.

Isso tem posto os orgaos de defesa dos imigrantes numa literal posicao de defesa. Enquanto eles estao gastando energia na defesa a luta esta sendo perdida.

Eu venho de um tempo la no Brasil em que, no futebol, acreditavamos que a melhor defesa era o ataque. Com essa filosofia, em doze anos, nos saimos do nada, inclusive do abaixo do nada porque em 1950 haviamos perdido a Copa do Mundo dentro do proprio Maracana, para chegarmos a tricampeoes em 1970, na primeira Copa do Mexico. Eu tive o prazer de comemorar o titulo aos doze anos de idade.

Bom, a ideia eh reverter a situacao dos orgaos de defesa dos imigrantes e deixa-los em posicao de contra-ataque para pegar os anti-imigrantes no contrape. Sabemos, porem, que o plano precisa ser bem trabalhado e coordenado. E o contra-ataque precisa ser ligeiro, preciso e fulminante.

Eh necessario haver uma coordenacao entre todos os orgaos de defesa dos imigrantes, em todas as linguas e nacionalidades que temos. Juntem-se a eles as igrejas e tambem o comercio etnico. A ideia eh pedir a todos os imigrantes sem documentos que, durante um mes, recolham todos os recibos de quaisquer compras que facam dentro dos Estados Unidos. Circulem com caneta as parcelas que correspondam aas taxas recolhidas. (Apos elaborar essa ideia, verifiquei que existem muitos comercios que estao fugindo a obrigacao de mostrar nos recibos as parcelas que correspondem aos impostos. A esses precisa-se boicotar durante tal mes). Vao ajuntando estes recibos em um envelope grande e fazendo as somas das compras e das taxas.

Os envelopes precisam ser padronizados. Os orgaos de defesa dos imigrantes poderiam encomenda-los a alguma fabrica de envelopes por essa razao.

No verso do envelope seria escrito em letras grandes: EXERCICIO DE CIDADANIA, no cabecalho. Abaixo viriam tres quadros. O primeiro seria apenas uma linha para colocar-se o total dos gastos em compras e, no final da linha, o espaco para a soma das taxas coletadas.

O segundo quadro teria a especificacao dos servicos que usamos. Este quadro seria composto por colunas. A primeira coluna seria entitulada de Servico e seria preenchida pelos nomes dos servicos: agua, energia, cable, telefone, celular, internet, gas (oleo), aluguel (mortgage), condominio, imposto predial, excise tax (carro) e seguro saude.

Na segunda coluna do II quadro teriamos o espaco para preencher com os nomes das companhias que operam os servicos. A terceira e quarta colunas seriam os espacos para os totais pagos e as taxas recolhidas, respectivamente.

Neste caso, tanto os nomes das companhias no II quadro quanto os nomes dos comercios nos recibos dentro do envelope seriam importantes para fazer-se a contabilidade de quantos clientes entre os indocumentados elas possuem. A vantagem de identifica-las eh dar poder aos dirigentes dos orgaos de defesa dos imigrantes de negociar ajudas na luta a favor da aprovacao da lei de legalizacao. Por exemplo, supondo que a Verizon tenha dois milhoes de clientes em sua lista, entao, os dirigentes poderao ir aos diretores dela e dizer: “Estao querendo expulsar dois milhoes de clientes seus, que te dao X bilhoes de dolares por ano (multiplicacao do total mensal por doze), voces vao ajudar-nos ou deixar que isso aconteca?”

Eh importante deixar claro que os nomes das pessoas nao aparecam. Existem compras em que o cliente eh identificado no recibo. Neste caso, eh preciso xerocar o recibo, escondendo qualquer dado que possa identificar pessoalmente o comprador. Esses sao recibos de compras de produtos duraveis e a identidade do cliente precisa aparecer para reclamacoes em caso de defeito na mercadoria.

Haveria um III quadro com espaco para que as pessoas que recebam em forma de cheques preenche-lo. Haveria um espaco para a soma dos cheques de todos os moradores de uma residencia durante o mes. Na coluna de taxas os espacos para somar o que se recolheu para Medicaid, Medicare, imposto estadual e federal. Abaixo de tudo, um quadriculo com espaco para a soma resultante de todas as taxas recolhidas.

Acima do nome EXERCICIO DE CIDADANIA deve tambem haver outro quadriculo para que se coloque o numero de pessoas que aquele envelope representa. Neste caso inclui-se tanto os indocumentados quanto os menores que tenham nascido no pais e sejam dependentes deles.

O objetivo desses quadros eh reeducar o proprio imigrante. A campanha que tem sido feita contra ele eh tao desumana que tem levado muitos deles a acreditar que nao sao dignos da sociedade em que vivem quando, na realidade, eh o inverso. A partir do momento em que ele tomar conhecimento do quanto ele contribui para a sociedade ele percebera que ele eh cidadao como os outros e que a falta de documentos nao diminui essa condicao, pelo contrario, apenas demonstra a injustica da sociedade contra ele.

Inclusive o proprio imigrante nao tem ideia do quanto ele contribui. Por exemplo, na linha destinada ao imposto predial, as pessoas podem imaginar que nao contribuam porque pagam aluguel. Ledo engano. Eu pago US$ 1,600.00 desse imposto o que da mais de 130.00/mes para a cidade. (Eu tenho mortgage). Quando alguem paga aluguel, embora o nome do contribuinte registrado na prefeitura seja o do dono da construcao, o dinheiro esta saindo do bolso do arrendatario. Entao, esse valor tem que ser creditado a ele e nao ao dono do imovel. Se alguem tivesse um imovel para aluguel, mas que ficasse sempre vazio, o venderia ou devolveria ao banco, porque nao seria sem inteligencia.

Reeducado o imigrante, eh preciso reeducar tambem a populacao americana comum. Em primeiro lugar, na frente do envelope eh preciso escrever no espaco para o rementente as palavras: CIDADAO PARA CIDADAO. CAMPANHA DE ESCLARECIMENTO DOS CIDADAOS.

A principio, os envelopes seriam enviados aos grupos de defesa dos imigrantes. Eles os coletariam e fariam as somas dos numeros de pessoas e os valores totais de impostos recolhidos anotados em cada envelope. Os milhoes de envelopes recolhidos devem ser levados a Washington e mostrados em cerimonia publica em frente ao Congresso e aa Casa Branca. Bandeiras seriam expostas trazendo os grandes totais das somas. O de impostos recolhidos seriam multiplicados por 12 para dar uma estimativa anual.

Neste caso o objetivo eh demonstrar aos cidadaos naturais que os cidadaos sem documentos tambem recolhem impostos e numa proporcao que eles jamais imaginaram.

Depois os envelopes devem ser distribuidos entre faculdades de economia que se interessarem em estudar mais profundamente o quadro total. Elas nao precisarao mais que alguns milhares de envelopes cada uma. Nenhuma ira recolher e analisar milhoes de envelopes ja que o resultado da analise de alguns milhares lhes oferece a oportunidade de fazer uma media e chegar aos numeros cientificamente comprovados. Eh como se procede em todo tipo quantitativo de pesquisa.

O objetivo ai eh identificar as milhares de toneladas de alimentos pesaveis que sao consumidos, os milhoes de galoes de gasolina usados etc. Atraves desses numeros pode-se calcular o equivalente ao numero de estabelecimentos comerciais que precisariam ser fechados caso toda a comunidade de pessoas sem documentos fosse expulsa dos Estados Unidos de uma so vez. Por ai pode-se calcular tambem o numero de empregos que deixariam de existir.

O certo eh que uma pesquisa desse genero poria numeros aa realidade dos imigrantes sem documentos atualmente. Isso destruiria muitos mitos propagados pelos anti-imigrantes e daria aos orgaos de defesa dos imigrantes as redeas da conducao do processo. Melhor dizendo, eles deixariam de estar acuados e passariam a realmente conduzir a defesa de seus protegidos.

04. O QUE OS ANTI-IMIGRANTES QUEREM?

Eh dificil compreender o que se passa na cabeca de outras pessoas. Mas mesmo supondo que os anti-imigrantes queiram coisa boa para si proprios, por certo, eles estao escolhendo o caminho errado. O que se ve eh que estao dando um tiro nos proprios pes. Ou comendo a galinha dos ovos de ouro pelo gosto de uma canja.

Neste mesmo blog, para os que saibam ler ingles, eu publiquei o texto: THE NONSENSE LAW (A Lei Sem Sentido), onde trabalho com os numeros provaveis que chegariamos apos a pesquisa que proponho, esteja completa.

Eu tomo 11.000.000 como sendo o numero de pessoas sem documentos aqui nos Estados Unidos. Como todo mundo sabe, esta estimativa nao eh minha e esta em todos os orgaos de comunicacao do pais. Eu apenas somo mais uns dois milhoes em referencia aos descendentes dessa multidao que nasceram aqui. Isso em respeito aos 2 milhoes serem dependentes dos primeiros.

Bom, supondo-se que as 13.000.000 de pessoas humanas sejam expulsas do pais, ao que isso levaria? Segundo o que imagino isso acarretaria na perda de mais de 10.000 empregos de policiais; numero semelhante de bombeiros; mais de 50.000 de pessoal da area de saude e, no minimo, 100.000 empregos para professores. Numeros semelhantes seriam encontrados para todas as outras profissoes.

Alem disso eh provavel que houvesse o desaparecimento de 100.000 pontos de comercio. O que nao apenas representaria perda de empregos mas tambem de arrecadacao publica direta.

Os anti-imigrantes teriam que se lembrar que enviar de volta 4% da populacao atual do pais iria eliminar uma quantidade equivalente da economia. Se isso fosse feito neste ano em que os numeros do governo indicam que o pais possa estar aos poucos saindo da recessao, seria a rasteira que faltava para estabelecer-se o caos.

Outro numero arrepiante seria o de que as 13.000.000 de pessoas humanas que seriam mandadas embora desocupariam um numero minimo de 3.000.000 de residencias no pais. Isso nao apenas daria um tombo na industria de construcao. Machucaria as economias de um numero incontavel de pequenos, medios e grandes investidores que vive de alugueis.

Historicamente, temos que buscar nas estatisticas para aprendermos que em 1830 os Estados Unidos contavam com apenas 12.866.020 almas. Expulsar 13.000.000 de pessoas desse pais hoje seria semelhante a explodir uma bomba atomica sobre Los Angeles, a segunda cidade mais populosa. O mesmo que duas bombas, uma sobre Chicago e outra sobre San Diego, as terceira e nona cidades mais populosas combinadas.

Segundo as estimativas mais recentes, o conjunto dos seis estados que compoem a New England, ou seja, Connecticut, Maine, Massachusetts, New Hampshire, Rhode Island e Vermont contam com uma populacao total de 14.429.720 vidas humanas. Parece que a vontade dos anti-imigrantes eh causar um prejuizo equivalente ao despovoamento dessa area. Ser anti-imigrante eh um problema etico. Nao enxergar o prejuizo disso eh falta de inteligencia mesmo.

Existem varios estados no Meio-Leste e Meio-Oeste do pais cujas populacoes nao chegam a 1.000.000 de habitantes. Outros pouco passam desse numero. Assim, dependendo dos estados que se pegar para comparar, seriam preciso mais de 13 deles somados para atingirmos a mesma cifra que os imigrantes sem documentos atingem. Somente alguns estados, como: California, Texas, Nova Iorque e Florida tem populacao superior a essa cifra.

Baseado apenas no numero da multidao sem documentos pode-se supor que a importancia economica dela para o pais supere a maioria dos estados. Devido as condicoes tao desfavoraveis em que a populacao imigrante esta submetida seria esperado que a renda per capta dela fosse muito inferior aa da parte mais pobre da populacao americana nata. Contudo eu tenho antevisao que supoe ser o contrario. A minha antevisao nao passa de uma suposicao mas baseia-se no fato de a populacao imigrante concentrar-se mais nos grandes centros economicos do pais onde a renda per capta eh superior. Isso faz pensar que mesmo que os imigrantes ocupem mais cargos considerados de nivel social inferior, eles sejam melhor remunerados que cargos considerados de nivel social mais elevados que os deles. Isso nao eh magica e sim fato. Professores no interior do pais devem ganhar menos que faxineiros em grandes centros.

Talvez seja exatamente por isso mesmo que os anti-imigrantes estejam tao apavorados. Se toda essa populacao reunir-se em torno de objetivos comuns teria uma importancia politica e economica muito maior que a deles. Se documentados e sem documentos se unirem, haveria um novo equilibrio politico no pais. E eh isso que para eles eh aterrorizante.

Todavia existe uma previsao que nao deixei escrita no The Nonsense Law. Apenas disse que nem desejava pensar a respeito dela.

Mas a verdade eh que, imagine: se os paises da America Central ao mesmo tempo que perdessem a renda que eh enviada, de quebra tenham que receber um grande contingente de novos moradores sem colocacao alguma no campo de trabalho! Isso poderia desestabilizar qualquer tipo de governo que tenham por la. E, com certeza, aumentaria a antipatia que muitos sentem pelos Estados Unidos.

Neste caso, os Estados Unidos estariam correndo o risco de jogar por terra qualquer esforco de mudar a imagem que tem frente ao mundo. Eu posso prever tres consequencias possiveis resultantes da insensatez de expulsar tamanha populacao.

A menos perigosa seria a diminuicao de frutas tropicais disponiveis no mercado interno, o que levaria ao aumento consequente de precos. Outra possibilidade seria a ascensao de um governo inamistoso no Panama, digamos assim, aliado de Hugo Chavez. Pode parecer insignificante mas ha que se lembrar que la esta o CANAL DO PANAMA e nao ha substitutos para ele em nenhum futuro proximo. Tal governo poderia ate nao proibir a passagem dos navios americanos. Deixa-los numa lista de espera que provocasse milhoes de dolares em prejuizos ja seria motivo de custos desnecessarios.

O pior dos quadros seria a instalacao de bolsoes de pobreza na regiao. Isso obrigaria aos Estados Unidos a prestar assistencia gratuita a essa populacao sob o risco de a Al Qaeda e outros adversarios faze-lo se eles se recusarem. Assim, aquela teoria de que os Estados Unidos invadiu o Iraque e o Afeganistao para manter a guerra longe de suas fronteiras podera cair por terra. Neste caso, o CANAL DO PANAMA estara sujeito a ataques. E a populacao local podera ficar alheia aa acao dos terroristas ja que ela tera sofrido as inconveniencias da deportacao em massa.

Em resumo, de toda forma que se coloca em pratica o plano dos anti-imigrantes, as consequencias se voltam contra eles proprios. Neste caso, como penso que eles estao com as ideias que tem pensando apenas em um suposto bem para os Estados Unidos, concluo que lhes falta intelecto para medir as consequencias dos proprios atos. Eles podem nao ser tao maus quanto parecem mas estao reagindo pelo estimulo das emocoes e nao da racionalidade.

05. IMIGRANTES OU NAO IMIGRANTES SOMOS TODOS EQUIVALENTES.

Ja tem alguns anos que venho estudando a formacao genealogica de minha familia e a estes estudos eu tenho associado outros conhecimentos que tenho de genetica. Baseado no que ja sei eu pediria aos leitores que pensassem nas pessoas que mais gostam e que nao sejam seus familiares proximos. Podem ser as pessoas mais inatigiveis em sua imaginacao como os atores: Kate Holmes, Will Smith; as deusas das passarelas ou o proprio presidente Obama.

O que anuncio eh que Deus tem uma Bencao para voce. A sua descendencia ira casar-se com a descendencia deles.

Pensem tambem nas pessoas que voce mais deteste. Sejam membros da KKK, George W. Bush ou Osama Bin Laden.

Pois tambem anuncio que Deus tem outra Bencao para voce. A sua descendencia ira casar-se com a descendencia destes tambem. Nao pense que isso seja uma praga porque tudo o que vem de Deus eh Bencao. Em meus outros textos voces encontrarao explicacoes para esses fatos.

Uma terceira Bencao de Deus eh esta: desde que voce deixe descendencia fertil, nao precisa ser maior que 2 filho(a)s, 4 neto(a)s, 8 bisneto(a)s e assim por diante, todos os grandes nomes no planeta Terra farao parte de sua descendencia. Detalhe, os outros tambem farao. Essa Bencao de Deus nos torna tao abencoados quanto Abraao que ate hoje nao alcancou o maximo da Bencao que recebeu. Mas ela nos permite alcancar o apice da Bencao em muito menos tempo que ele, desde que nos e nossa descendencia nao nos conduzamos por preconceitos.

O que pretendo dizer com isso eh que nao importa se voce eh imigrante ou anti-imigrante. Grande ou pequeno. Certo ou errado. Poderoso ou fraco. Belo ou feio. O que importa eh que ajudemo-nos uns aos outros porque assim estaremos, desde ja, cuidando da nossa descendencia.

Tomara que a revelacao dessas Bencaos de Deus possa promover a paz entre os seres humanos e nao tenhamos que esperar mil anos para comprovar que eu estou falando a pura verdade. Sabio foi o John Lennon que disse: “Faca amor, nao faca a guerra.” A nossa descendencia acabara dormindo com a descendencia de nossos inimigos, caso os tenhamos, entao, qual o objetivo de termos inimigos?!

Praticamente ninguem sabe disso mas em poucas geracoes futuras a nossa descendencia se juntara aas descendencias de George Washington, Benjamim Franklin e outros. NOS SOMOS A CONSEQUENCIA DO PASSADO E A RAZAO PARA O FUTURO.

06. A TREPLICA DOS ANTI-IMIGRANTES.

Mesmo que a minha ideia seja posta em pratica e os resultados demonstrem a minha razao, nao poderemos baixar a guarda enquanto nao seja feita a justica para todos os indocumentados. Somente uma lei justa garantira a nossa seguranca em relacao a este assunto.

Devemos contudo permanecer alertas porque os anti-imigrantes nao descansarao. Eles voltarao com argumentos tais como: o que o imigrante esta contribuindo eh muito pouco em relacao ao cidadao nato. Eles dirao por exemplo que a grande maioria dos contribuintes que ganham $ 300.000,00 ou mais sao cidadaos natos e pessoas com esse patamar de ganhos contribuem com $ 75.000,00.

Eles compararao os $ 20.000,00 ou 30.000,00 que muitos indocumentados ganham com as fortunas. Pois, eh preciso ter calma em relacao a tais argumentos.

Eh preciso usar a oportunidade para demonstrar o quanto preconceituosa eh a luta deles. A classe americana menos favorecida tambem esta nesse patamar de ganhos, portanto, o argumento nao pode ser usado sem caracterizar preconceito.

Outro detalhe eh observar-se o lado da mesma moeda que eles estarao apostando na mesa. Eles usarao $ 300.000 para comparar com $ 30.000. Eh preciso que mostremos a outra face da moeda. Quem ganha $ 300.000 e contribui com $ 75.000 tem ainda $ 225.000 para gastar consigo mesmo. Quem ganha $ 30.000 e paga $ 7.500 tem apenas $ 22.500 para viver. Em resumo, nos temos ai uma situacao semelhante aa da pobre senhora e do rico nos evangelhos. O rico esta tirando apenas nas gorduras enquanto o pobre esta cortando na propria carne. Em outras palavras, ha que se perguntar a eles: “Querem trocar?”. Do you wanna exchange places?

Outra coisa, nos temos que considerar que a falta de documentos tem impedido a ascensao social de muita gente. Eu conheco pelo menos duas pessoas que estavam dispostas a investir e emprestar os seus talentos ao pais. Mas, ao contrario, por falta de documentos resolveram investir no Brasil e planejam retornar. Os investimentos dos dois somados passam da casa dos $ 500.000. Eh investimento pequeno para os Estados Unidos mas imagine-se o quanto o pais nao deve estar perdendo quando se considera apenas uma minima porcentagem dos 13.000.000 de pessoas que os anti-imigrantes pretendem deportar.

Outro conhecido meu ja retornou ao Brasil e os investimentos dele la somam mais de $ 500.000. Isso eu afirmo porque conheco bem os detalhes da vida da pessoa. Ele e esposa tem mansao na Ilha, em Governador Valadares; posto de gasolina em outra localidade e fazenda formada, de muitos alqueires, alem de gado. Tudo resultado do trabalho aqui. Mas, por falta de perspectiva de documentos, investiram la.

Ha poucos dias li uma cronica de um editor de jornal brasileiro aqui nos Estados Unidos. Dizia que eh insignificante o numero de pessoas que estao voltando para o Brasil. Chegou a afirmar que deveriam ser umas 20.000 numa comunidade de mais de um milhao. Nao sei de onde ele tirou tais numeros.

Penso que a desinformacao levou tal editor escrever o artigo. Realmente, nao chegamos ao estouro da boiada como se chegou a cogitar logo que a bolha economica explodiu. A quebradeira da economia ja mandou mais gente embora que qualquer lei anti-imigrante. As leis que estao surgindo agora estao apenas sacramentando um plano que muitos ja estavam formulando para voltar.

Eu observo que a comunidade foi madura o suficiente para nao agir como manada. Ao ouvir a explosao, poucos entraram em panico e agiram impensadamente. Porem, muitos planejaram e estao retornando aos poucos. As saidas estao sendo como uma torneira esquecida gotejando. Esta sendo pequena, porem, constante. Ja ouvi o relatorio de duas igrejas que estao perdendo membros de moto-continuo.

Para se ter uma ideia da verdade do que digo, basta que pensem no circulo de amizade que tem. Contem quantos que retornaram e quantos chegaram. Em meu circulo eu posso afirmar que o numero dos primeiros eh bastante superior aos segundos e tenho noticias dos que planejam voltar e nenhuma de quem planeja vir.

Novidade nessas saidas eh que ai se inclui muitos que ja obtiveram a cidadania. Ja que tem transito livre para ir e vir resolveram arriscar. Penso que nao voltarao mais. Alguns estao deixando descendencia. Outros estao levando. E, outros ainda, as duas coisas.

Absolutamente certo eh que o numero de saidas eh visivelmente superior ao numero de entradas. A continuar nesse ritmo a nossa comunidade ira estabilizar-se em um patamar bastante inferior ao apice que chegou a atingir. Porem a queda se deve aa inseguranca economica e nao aas leis anti-imigrantes.

07. CONSIDERACOES GERAIS.

Na segunda-feira, 07.06.2010, foi gravado o programa Bate-Papo com a Shirley, exibido em algumas cidades de Massachusetts, onde participei como convidado. A apresentadora eh a Shirley Nigri Farber, pessoa de grande conceito junto a comunidade imigrante brasileira.

Comparecemos tres convidados. Por ordem de apresentacao foram entrevistados: Antonio, do Centro do Imigrante Brasileiro – CIB; o Manoel, estilista de cabelos que atua em Sommerville e eu.

As duas primeiras entrevistas foram otimas. Eu pequei em dois sentidos. Como restou-me menos tempo para falar da minha ideia nao soube concentra-la de maneira a que ficasse bem entendida. Por isso estou penando agora para desenvolver este texto e publica-lo no WORDPRESS.

O outro pecado foi ter ficado entusiasmado demais e ter feito com isso o que os apresentadores menos apreciam, ou seja, atropelar as intervencoes deles. Devo ter chocado a Shirley aa qual peco desculpas.

Como assunto de moda nao eh a minha praia eu apenas aconselharia aas mulheres a assistirem a entrevista do Manoel. As atividades da apresentadora podem ser acompanhadas tambem atraves da Internet, bastando buscar o nome da revista: BATE-PAPO MAGAZINE, ou do programa: PAPOTV.

Quase houve uma coincidencia de assuntos entre a entrevista do Antonio e a minha. Ele esta com um plano de catalogar pelo menos 5.000 brasileiros que possuam cidadania americana. Quer que todos se registrem como eleitores, se ja nao o forem, para formar uma especie de trampolim para buscar beneficios para os imigrantes junto ao governo. Eh importante salientar que isso nao exige uma filiacao partidaria unica. As pessoas podem inscrever nos partidos Democrata ou Republicano (ou outro qualquer) ou ser independente.

Na realidade o que ele precisa ter eh um certo capital de lobista. Melhor informando: aqui as coisas funcionam atraves do Lobby, ou seja, quando voce deseja o apoio de algum politico para conseguir a aprovacao de um beneficio qualquer, voce precisa provar que tem repercussao na sociedade. Assim, a lista de 5.000 eleitores seria o seu cartao de apresentacao que abriria as portas para as negociacoes. Quando fosse assunto de interesse da comunidade brasileira, isso contaria muito.

Nao resta duvida que eu apoio tal tipo de iniciativa e somente nao assinarei na lista, de imediato, porque me falta a cidadania para tornar-me eleitor. O que espero adquirir em breve.

Contudo, a presenca do Antonio lembrou-me um fato de minha vida. Interessante como parabola para a nossa situacao.

Quando entrei para a Universidade Ferderal de Vicosa – MG – (UFV-MG), eu aceitaria passar por qualquer tipo de trote amistoso, exceto raspar a cabeca. Nao me perguntem porque. Talvez seja trauma de infancia, quando meus cabelos eram cortados igual ao que o jogador Ronaldo se apresentou na copa do mundo passada. Deixando apenas o topete.

Sendo assim, eu tinha que desviar-me dos veteranos para evitar brigas. Mas havia um dia determinado que todos os calouros eram reunidos em um dos predios de aulas. O objetivo era ouvir palestras, ao final das quais estariamos liberados. Mas tambem era a oportunidade de os veteranos cercarem os calouros na saida e aplicarem justamente o famigerado tipo de trote.

Antevendo as intencoes deles eu observei que as janelas do predio permitiriam uma fuga sem passar pela entrada principal do predio. Terminada a palestra, cochichei minha intencao com outros que estavam proximos e varios me seguiram.

Logo que sai, contudo, esbarrei em um unico veterano que havia imaginado tal possibilidade. Ele estava com uma tesoura na mao. Gritei para que ele nao me encostasse. Ele assustou e recuou uns passos mas gritou para que os outros viessem ajuda-lo. Ninguem apareceu. Eram tantos calouros saindo pela porta da frente que parece que nao quizeram ocupar-se com uns gatos pingados ou ovelhas desgarradas.

Os que estavam comigo correram. Exceto um que o veterano cercou por ser fisicamente mais fraco que ele. Eu poderia ter me aproveitado e corrido tambem mas estava disposto a fazer valer o direito do colega.

O problema eh que o colega mostrou uma atitude submissa demais. Ele ficou repetindo: “Nao corta o meu cabelo nao! Nao corta o meu cabelo nao!…” ao mesmo tempo que direcionou a cabeca para as maos do veterano e a abaixou. Quando vi aquilo, eu sai dali, pisando duro e com mais raiva do calouro que do proprio veterano.

Fosse nos dias de hoje eu entenderia a fraqueza do outro calouro mas gritaria para levantar a cabeca e empurraria o veterano. Mas o que me aborrecera foi que eu estava disposto a levar ate uma tesourada pelo sujeitinho mas ele nao estava disposto a fazer o minimo de levantar a cabeca para fazer valer os proprios direitos.

A semelhanca dessa parte da minha historia com a luta dos imigrantes indocumentados brasileiros eh que a atitude deles tem sido semelhante a do calouro que eu quiz proteger. Quando a dificuldade eh brava eles correm atras dos lideres como o Antonio, a Heloisa Galvao, a Ilma Paixao, o Marconi Almeida etc. Mas na maior parte das vezes faltam aa retaguarda.

Eh preciso que os imigrantes de um modo geral participem mais das atividades em prol da legalizacao ou ela acabara saindo somente para uns gatos pingados, como os que escapamos de raspar os cabelos, e a maioria ira ser degolada ou continuar na clandestinidade. Os indocumentados tem que decidir se querem legalizar mesmo ou nao. Se querem tem que estar dispostos a tudo. Uma das taticas dos adversarios sera apresentar um projeto que legalize apenas parte dos indocumentados. Essa tatica eh velha e serve para criar confusao porque prioriza aqueles que sao apenas do interesse proprio dos legisladores e enfraquece o espirito dos que continuarao na luta. Eh fundamental que haja solidariedade entre os proprios imigrantes para que todos sejam salvos.

Todos sao cidadaos. Com ou sem documentos. Contribuem com os mesmos impostos e obedecem as mesmas regras da sociedade. Antes que receber um papel que consagre a sua cidadania eh preciso assumir a atitude cidada, tornando o lema: “Um por todos e todos por um.”, nao um mero dizer da boca para fora.

Uma das surpresas que estava reservada para a minha entrevista foi a apresentacao de edicoes do jornal Brazilian Times que guardo de minhas participacoes nele. No numero 411, de 03.11.94, por exemplo, foi publicada uma de minhas cartas onde eu sugeria a criacao do Consulado Itinerante. Inclusive o Itinerante foi sugerido como nome desde aquela epoca. Varias de minhas outras ideias tem sido postas em pratica tambem no Brasil. Mas nao estou aqui para promover a minha pessoa. Mostrei apenas uma credencial para que as pessoas reconhecam o valor de uma ideia. Muitas vezes, uma unica ideia pode evitar muitos transtornos e desgastes desnecessarios por nos levar a atingir um objetivo com mais seguranca e eficiencia.

Outras instrucoes que estou me recordando agora sao essas: com os milhoes de envelopes sendo exibidos ao Congresso e aa Casa Branca nos poderemos afirmar que, indiretamente, estaremos levando milhoes de pessoas a tal demonstracao. Eh como se todas as pessoas representadas pelos gastos demonstrados pelos recibos estivessem presentes, sem as inconveniencias das viagens, entre eles os gastos extras, tumulto, perda de dia de trabalho etc.

Se pelo menos 100 faculdades requisitarem os envelopes para cada uma fazer sua pesquisa, talvez nao sobrarao envelopes. Porem, se o numero de faculdades for pequeno, havera uma sobra enorme deles. Eh bom que se tenha, entao, o cuidado de doa-los para a reciclagem em beneficio a alguma entidade filantropica. Todos os olhos estarao vigiando e qualquer gesto de boa vontade nos dao pontos favoraveis.

Pode-se patentear o envelope. Se a patente der algum lucro que tambem seja revertido a entidades de fundo filantropico. Daqui para frente ele podera ser usado por todo e qualquer cidadao comum que desejar fazer uma contabilidade da propria cidadania, junto aos cofres publicos. Cidadaos conscientes de suas contribuicoes sao mais exigentes quanto ao cumprimento de seus direitos.

Enfim, ha sempre duvida quanto aa participacao do brasileiro em uma campanha como essa. Eh corrente a fama de que nos brasileiros somos desunidos e sempre arranjamos nossas desculpas para desviarmo-nos de nossas responsabilidades. Nao se pode usar essa desculpa com o objetivo de nao se por em pratica tal iniciativa. A campanha eh valida para toda a comunidade sem documentos. Independentemente da nacionalidade. Se o brasileiro nao comparecer isso sera o indicativo de que ele nao esta querendo fazer forca para legalizar. Comparecam os que desejarem, sem se importarem com os parasitas que se beneficiarem dos esforcos dos outros. Em caso de a tatica de legalizar apenas alguns funcionar, os que nao lutarem serao os primeiros a ser excluidos.

Esta campanha exigira muito pouco da contribuicao do indocumentado. Este tera apenas um mes de trabalho recolhendo os recibos e contabilizando as contribuicoes. O grosso do trabalho recaira nos ombros dos lideres e voluntarios. Se os sem documentos nao estiverem dispostos a fazer esse pequeno sacrificio, entao, que cozinhem mais alguns anos na esperanca de receberem uma legalizacao de maos beijadas. Ninguem pode fazer pelos outros aquilo que nao desejam que seja feito.

Os anti-imigrantes que desejam impor aos imigrantes sem documentos a sobretaxa de ilegais desconhecem a verdade de eles ja pagarem os impostos regulares que todos pagam. Quanto mais exigirem dos sem documentos cumprirem obrigacoes que eles proprios nao se obrigam, irao cada vez mais fazer com que os indocumentados se identifiquem com o Tea Party original. Dos sem documentos tem-se cobrado apenas deveres e negado direitos. Eh um caso de Escravidao Encoberta e isso ja explica tudo.

08. CONCLUSOES IMPORTANTES.

Eh bastante conhecido da Historia Geral o quanto os Estados Unidos teve uma formacao social baseada nos principios cristaos dos primeiros habitantes ingleses. Tais principios foram sermpre invocados e recordados por todas as figuras proeminentes no pais. Admiravel eh ver como tais principios sao facilmente jogados para debaixo do tapete todas as vezes que se enfrenta alguma situacao de crise.

Com a situacao atual nao tem sido diferente. O imigrante, tanto documentado quanto sem documento, eh sobrevivente de muitas e dificeis batalhas fora e dentro dos Estados Unidos. Mesmo aquele que veio via fronteira como o Mexico, passando aas vezes por situacoes de grande risco de morrer, deve ser respeitado como pessoa humana digna que eh. Nao se pode aceitar qualquer tipo de discriminacao em relacao a este. Deus nao faz distincao entre os filhos d’Ele.

Que a populacao americana contraria aa anistia dessas pessoas pare e pense: qual a porcentagem da populacao nata nos Estados Unidos seria capaz de fazer tamanhos sacrificios para buscar dias melhores para a propria familia? Ha na mente dessa populacao americana atual um elo adormecido. Ela nunca enfrentou uma necessidade tao brutal que a levasse a desafiar tantas dificuldades na busca do sustento mais basico para as pessoas humanas que mais ama. Ainda vive a ilusao de que os outros sempre precisarao dela e ela nunca ira precisar de ninguem. A riqueza que as ultimas geracoes obtiveram anestesiou o sentimento de hospitalidade da populacao anti-imigrante.

Em tudo a parte da populacao americana que eh anti-imigrante, embora afirme que seja apenas contra os sem documentos, quer sobrecarregar os fardos que ja estao sobre os ombros do cidadao sem documentos. Ela quer fazer aos outros aquilo que nao gostaria que fizessem a ela. Quer exigir que essa populacao ja tao sofrida pague ainda altas taxas para legalizar-se e quer que tenha que sair dos Estados Unidos para esperar um processo de legalizacao transcorrer numa justica lenta e de resposta incerta. Essa populacao, a anti-imigrante, que na maior parte das vezes se professa crista, devia pelo menos lembrar-se que as faltas dela serao perdoadas assim como perdoa as faltas dos outros.

O objetivo de lancar essa proposta e esse manifesto eh o de indicar o caminho para reeducar parte da populacao americana que se deixou levar pelas acusacoes falsas contra os imigrantes sem documentos. As pessoas vem para os Estados Unidos para construirem vidas melhores para si proprias e para os seus. Ninguem pensa em vir para tomar nada dos cidadaos natos. Todos tem ideia de chegar e somar forcas. Seria uma grande estupidez sair das condicoes que sairam em seus paises para vir prejudicar a sociedade americana. Ora, o nosso bem nao esta na destruicao do bem dos outros e sim na partilha do bem que temos com os outros.

Antes que combater alguem que se ponha como nosso adversario eh preciso educa-lo, informa-lo a respeito do que somos, fomos capazes e ao que viemos. A populacao que esta contra os imigrantes esta completamente enganada pelas falsas informacoes que vem recebendo. Eh preciso entao mostrar a verdade para que se recupere a confianca e assim se construa uma alianca forte.

Os lideres comunitarios dos imigrantes tem cometido um erro basico e serio no defender os imigrantes sem documentos. Eles tem procurado convencer aos politicos a votarem uma lei de legalizacao. Isso seria possivel se a populacao que elegeu os atuais politicos nao tivesse tao mal informada a respeito da imigracao. Os politicos aprovam qualquer coisa que lhes de retorno em votos nas proximas eleicoes. Portanto, o trabalho da lideranca dos imigrantes tem de ser o de esclarecer aos eleitores a verdade a respeito da imigracao. Quando isso for feito, o eleitor americano ira pedir uma Lei de Anistia para todo e qualquer imigrante nos Estados Unidos. E os politicos irao votar a favor porque eles nao se colocarao contrarios aos eleitores deles.

“Busque a verdade e ela vos libertata.” Cabe aos lideres ajudar a revelar a verdade a respeito da imigracao para os eleitores dos Estados Unidos. Basta-nos revelar a verdade nua e crua para conseguirmos vencer essa batalha. Diante da verdade nenhum anti-imigrante, nenhum politico oportunista, nenhum sherifizinho que gosta de aparecer se mantera de pe. Eh preciso apenas que demonstremos ao publico americano que nos estamos juntos nas dificuldades e eh caminhando juntos que as superaremos. Nao haja entre nos nenhuma inimizade e os que sao contra hoje, amanha serao nossos admiradores.

Eh preciso por em pratica esse projeto de Exercicio de Cidadania. O imigrante sem documentos precisa acreditar-se como cidadao. E o cidadao nato precisa reconhecer a cidadania do cidadao sem documentos. Somente quando ambos se enxergarem como cidadaos e que ambos tem o mesmo sonho de construir uma patria melhor eh que realizar-se-a neles o chamado “SONHO AMERICANO”. Ao contrario, se continuarem lutando uns contra os outros acabaremos vivendo o “pesadelo americano.”

Esse meu manifesto tem o sentido de defender uma anistia ampla a favor das pessoas sem documentos. Inclusive para aquelas que devem corte de imigracao. Isso porque nao devemos julgar para nao sermos julgados. E posso fazer uma analogia simples para que compreendam o meu ponto de vista.

Quando estou dirigindo nas principais rodovias de Massachusetts eu noto um fenomeno que nao era suposto acontecer. Eu nao sou mais tao jovem para curtir velocidade por puro prazer. Messo os riscos e procuro sair mais cedo de casa para nao perder meus compromissos. Mas o que noto eh que, mesmo quando ando poucas milhas acima da velocidade permitida, vou ficando para tras do movimento. Por ai sei que a maioria dos motoristas dirige um tanto acima do permitido ou tolerado. Porem eh raro ver-se alguem sendo parado pela policia rodoviaria em razao de velocidade excessiva.

Pelo volume de carros nas rodovias nao creio que os imigrantes sem documentos sejam os culpados por essa infracao. Supostamente a maioria absoluta de motoristas cometendo-as sao americanos natos ou pessoas legais.

Coisa semelhante se da na vida da pessoa sem documentos. Ela cometeu uma infracao. Rompeu o codigo de imigracao. Mas o fez com a condescendencia de toda a nacao ja que nos anos anteriores aas presentes discussoes, principalmente antes da crise economica ou dos ataques suicidas de 11 de setembro de 2001 estavam preocupadas apenas em enriquecer-se e a presenca do imigrante eh uma das fontes de enriquecimento rapido para muitos cidadaos.

Entao, se todos pecaram e pecam, por que querem jogar pedras apenas em uma parte dos pecadores?

Segundo dizem, Esquilo ja falou na Grecia antiga: “Eh bom termos estrangeiros em nosso meio para que possamos culpa-los pelos nossos proprios erros.” Que as consciencias de cada um procurem a justica para constatar que eh justamente isso que esta acontecendo nos Estados Unidos hoje-em-dia.

Logo apos os Estados Unidos terem sofrido os ataques suicidas de 11 de setembro de 2001 e a administracao do ex-presidente George W. Bush comecou a movimentar os meios diplomaticos para angariar apoio para fazer as guerras que vem se seguindo, eu comentei com meus colegas de trabalho: Que grande oportunidade eles estao perdendo de mostrar ao mundo que sao bons e inteligentes! Se ao inves de falarem em guerra chamassem os inimigos deles para se sentarem com eles em uma mesa de negociacao, eles dariam um tapa de luvas neles e toda a comunidade internacional os iria apoiar. Fazendo a guerra eles estao fazendo o jogo do inimigo. Estao mostrando que nao sao diferentes e ainda dividirao o apoio do mundo e uma grande parte ira apoiar os adversarios.

Neste momento, os Estados Unidos estao perdendo a segunda oportunidade, nesse espaco tao curto de anos, de maravilhar o mundo e angariar a simpatia dele. O mundo contara este pais como a nacao da razao e da magnanimidade com a simples aprovacao da anistia imigratoria para todos. Ao contrario, impedi-la mandara essa mensagem ao mundo: fizeram o que eh sempre esperado deles! A arrogancia continua!

Se eu estivesse na posicao de assessoramento do presidente Obama eu o aconselharia a por em pratica essa ideia de Exercicio da Cidadania junto aa comunidade imigrante sem documentos. Logo que saissem os resultados da computacao dos dados eu o ajudaria a preparar um arrazoado, informando os motivos e a urgencia de se fazer uma reforma de lei que estabelecesse todos os criterios e passos necessarios que os futuros imigrantes teriam que cumprir para legalizar-se.

Digo para os futuros porque para os atuais eu diria a ele que melhor eh ele proprio legaliza-los por meio de uma Ordem Executiva (algo equivalente aa Medida Provisoria no Brasil). Isso seria feito assim para evitar-se uma nova maratona de batalhas junto ao congresso porque os anti-imigrantes nao se darao facilmente por vencidos mesmo que todos os fatos apontem para a racionalidade da legalizacao. Com essa atitude, legalizar os sem documentos via decisao executiva, a lei de legalizacao deixara de ser uma meta de urgencia para o governo. Os anti-imigrantes eh que terao pressa em ver uma lei aos moldes que desejam em vigor e eles eh que a buscarao ao inves de tentarem boicotar as iniciativas dos outros. A mesa seria virada e o “problema” da urgencia passaria para as maos deles.

Com isso, a administracao ficaria menos atarefada e poderia dedicar mais tempo para solucionar as outras questoes tambem importantes para o pais e o mundo.

56 Responses to “IMIGRACAO: SEM LENCO E SEM DOCUMENTO, O BARRIL TRANSBORDANTE DE INJUSTICAS.”

  1. THE NONSENSE LAW. « Val51mabar's Blog Says:

    […] FUTEBOL, MUSAS E PROPAGANDA ELEITORAL ANTECIPADA; OBAMA, GRANDES CORPORACOES E IMIGRACAO. IMIGRACAO: SEM LENCO E SEM DOCUMENTO, O BARRIL TRANSBORDANTE DE INJUSTICAS. […]

  2. FAIXA DE GAZA, O TRAVESSAO NOS OLHOS DA HUMANIDADE « Val51mabar's Blog Says:

    […] Blog Just another WordPress.com weblog « IMIGRACAO: SEM LENCO E SEM DOCUMENTO, O BARRIL TRANSBORDANTE DE INJUSTICAS. 13 ESTRELAS = MULHER […]

  3. ISRAEL, AS DIVERSAS VERDADES E O PADECECER DA PALESTINA E OUTROS TEXTOS « Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordant… […]

  4. A HERANCA FURTADO DE MENDONCA NO BRASIL « Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordant… […]

  5. BARBALHO, COELHO E PIMENTA NO SITE WWW.ANCESTRY.COM | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordant…  […]

  6. NESTE MUNDO, SO NAO EH GAY QUEM NAO QUIZER | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordant… FRAMINGHAM, 02 DE ABRIL DE 2013 […]

  7. HISTORICO DO POVOAMENTO MINEIRO, GENEALOGIA COELHO, CIDADE POR CIDADE | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordant… […]

  8. BARBALHO, PIMENTA E, TALVEZ, COELHO, DESCENDENTES DO REI D. DINIS | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordant… […]

  9. TRILOGIA DE VARIEDADES | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordant… […]

  10. GENEALOGIAS DE FAMILIAS TRADICIONAIS DE VIRGINOPOLIS | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordant… […]

  11. GENEALIDADE E GENEALOGIA DE ARY BARROSO | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordant… […]

  12. A III GM | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordant… […]

  13. UMA VOLTA AO MUNDO EM 4 OU 3 ATOS (POLITICA INTERNACIONAL DO MOMENTO) | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  14. 03. O MENINO QUE GRITAVA LOBO | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  15. MINHAS POSTAGENS NO FACEBOOK I | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  16. MINHAS POSTAGENS NO FACEBOOK II | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  17. MINHAS POSTAGENS NO FACEBOOK III | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  18. MEUS ESCRITOS NO FACEBOOK IV | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  19. A III GM | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  20. GENEALIDADE E GENEALOGIA DE ARY BARROSO | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  21. GENEALOGIAS DE FAMILIAS TRADICIONAIS DE VIRGINOPOLIS | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  22. TRILOGIA DE VARIEDADES | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  23. BARBALHO, COELHO E PIMENTA NO SITE WWW.ANCESTRY.COM | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  24. NESTE MUNDO, SO NAO EH GAY QUEM NAO QUIZER | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  25. A HERANCA FURTADO DE MENDONCA NO BRASIL | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  26. ISRAEL, AS DIVERSAS VERDADES E O PADECECER DA PALESTINA E OUTROS TEXTOS | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  27. BARBALHO, PIMENTA E, TALVEZ, COELHO, DESCENDENTES DO REI D. DINIS | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  28. FAMILIA: BARBALHO, COELHO … NO LIVRO A AMERICA SUICIDA | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  29. THE SUICIDAL AMERICA/A AMERICA SUICIDA | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  30. MILLOR, MELOU OU MELHOR FERNANDES!? | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  31. A FAMILIA COELHO NO LIVRO A MATA DO PECANHA | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  32. HISTORICO DO POVOAMENTO MINEIRO, GENEALOGIA COELHO, CIDADE POR CIDADE | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  33. ASCENDENCIA DOS ANCESTRAIS: JOSE COELHO DE MAGALHAES/EUGENIA RODRIGUES ROCHA, UMA SAGA A SER DESVENDADA | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  34. A HISTORIA DA FAMILIA COELHO DO CENTRO-NORDESTE DE MINAS GERAIS. | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  35. A DIVINA PARABOLA | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  36. O LIVRO DO CONHECIMENTO DE DEUS | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  37. RESPOSTA DE UM NEOBOBO AO EXCELENTISSIMO SR. EX-PRESIDENTE, FERNANDO HENRIQUE CARDOSO. | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  38. O DIRECIONAMENTO RELIGIOSO ERRADO NAS QUESTOES ELEITORAIS BRASILEIRAS. | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  39. 100 REASONS TO AMNESTY THE UNDOCUMENTED WORKERS IN UNITED STATES | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  40. 13 STARS = WOMAN. | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  41. CARTA AO CANDIDATO DO PSOL: PLINIO DE ARRUDA SAMPAIO | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  42. 13 ESTRELAS = MULHER | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  43. FAIXA DE GAZA, O TRAVESSAO NOS OLHOS DA HUMANIDADE | Val51mabar's Blog Says:

    […] another WordPress.com weblog « IMIGRACAO: SEM LENCO E SEM DOCUMENTO, O BARRIL TRANSBORDANTE DE INJUSTICAS. 13 ESTRELAS = MULHER […]

  44. THE NONSENSE LAW. | Val51mabar's Blog Says:

    […] FUTEBOL, MUSAS E PROPAGANDA ELEITORAL ANTECIPADA; OBAMA, GRANDES CORPORACOES E IMIGRACAO. IMIGRACAO: SEM LENCO E SEM DOCUMENTO, O BARRIL TRANSBORDANTE DE INJUSTICAS. […]

  45. POLITICA, FUTEBOL, MUSAS E PROPAGANDA ELEITORAL ANTECIPADA; OBAMA, GRANDES CORPORACOES E IMIGRACAO. | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  46. CARTA DE LIBERTACAO | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  47. About The Third and Last Testament | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  48. The Third and Last Testament | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  49. ALGUMAS NOTAS GENEALOGICAS, 2014/2015 | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan… […]

  50. MOVIMENTO: “FORA DILMA, FORA PT”; QUE OSSO CAMARADA?!!! | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan…. […]

  51. NOS, OS NOBRES, E A AVO DO JUSCELINO TAMBEM PODE TER SIDO BARBALHO COELHO | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan…. […]

  52. ARVORE GENEALOGICA DA FAMILIA COELHO NO SITIO: www.geneaminas.com.br | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan…. […]

  53. UM NOSSO LADO CRISTAO-NOVO E, TALVEZ, OUTRO PAULISTANO | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan…. […]

  54. MEUS GUARDADOS 2015 | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan…. […]

  55. ALIENS, CONSPIRACIES, DISAPPEARED TREASURES AND DOMINANCE | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan…. […]

  56. OS RODRIGUES COELHO; E ANDRADE DO CARLOS DRUMMOND EM MINAS GERAIS | Val51mabar's Blog Says:

    […] https://val51mabar.wordpress.com/2010/06/17/imigracao-sem-lenco-e-sem-documento-o-barril-transbordan…. […]

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s


%d bloggers like this: